« Página Principal   « Revistas  « Regressar  Avançar »

Elvis 100% - Still Rockin'!
Nº 113 - Julho/Agosto/Setembro 2020

Formato A5,
48 páginas, capa e contracapa a cores (interior a preto e branco),
36 fotografias de Elvis.


(Ver Ampliação c/ contracapa)

Resumo do conteúdo:

Editorial - Célia Carvalho;
"Elvis e a Máfia de Memphis" - Alanna Nash (continuação da tradução de excertos do livro "Elvis and the Memphis Mafia", com opiniões sobre 3 elementos do grupo de Elvis - Marty Lacker, Lamar Fike e Billy Smith - que Alanna entrevistou sob diversos temas):
- "Espiral" (início do capítulo que fala da espiral em que Elvis entrou e da qual já não viria a sair, a caminho do seu fim inevitável; relata a altura do divórcio de Priscilla e do seu envolvimento com Linda Thompson e outras mulheres);
- "Meltdown, '73" (como bem indica o título deste capítulo, que compara o que se passa na vida de Elvis com uma catástrofe nuclear, as coisas começam verdadeiramente a descambar a partir de 1973, apesar de haver pontos positivos na vida profissional - Aloha From Hawaii - e pessoal - Linda Thompson - de Elvis, com vários relatos que apontam nesse sentido);

- "O Ponto de Viragem" (este é o ponto de não regresso, em que Elvis nada quis fazer para reverter o caminho que tinha tomado, tanto a nível de consumo de medicação, como a nível de mudar a sua agenda de atuações ao vivo, que já não o entusiasmavam, nem tão pouco ir para estúdio gravar álbuns. Simplesmente encarava tudo como um fardo. Também é relatado como Elvis se tentou livrar do Coronel Parker, sem sucesso);

A Máquina do Tempo - Em Digressão - novembro de 1971 a julho de 1972 (continuação da tradução de excertos do livro "Elvis Day by Day").

Página de Destaque
Nº 113 - Julho/Agosto/Setembro 2020

 

Fontes de consulta para a sua elaboração:

- Livro Elvis and The Memphis Mafia, de Alanna Nash e;
- Livro Elvis Day by Day, de Peter Guralnick e Ernst Jorgensen.

« Página Principal   « Revistas  « Regressar  Avançar »